DEFENDENDO O SERVIDOR PÚBLICO
Redes Sociais:

Notícias CNSP

Comemoração dos 70 anos da Afalesp: Um dia para se guardar no coração!

Publicado em: 04/01/2018

Depois de tantos anos à frente da Afalesp, duas vezes como presidente, outras como tesoureira e como secretária, não imaginava ainda vivenciar a emoção que vivi na sessão solene que comemorou os 70 anos da nossa associação. Tudo, desde a abertura dos trabalhos até o encerramento, superou minhas expectativas e me proporcionou uma alegria imensa e um forte sentimento de emoção. Foram momentos que me levaram a revisitar a história da nossa associação, à qual dedico meu trabalho.

Creio ser também essa a sensação que prevaleceu entre os que participaram. No dia 4 de agosto, o Plenário Juscelino Kubitschek foi palco de uma sessão extremamente bem conduzida pelo nosso querido deputado Aldo Demarchi, sob a organização da competente equipe do Cerimonial da Casa, que tem sob seu comando minha querida vice-presidente, Izabel de Jesus Pinto. Dezenas de convidados lotaram as cadeiras do plenário e posso afirmar que a solenidade teve a extensão adequada. Não foi curta e nem foi longa demais. A Orquestra de Câmara da Polícia Militar do Estado de São Paulo executou com brilhantismo o Hino Nacional Brasileiro para abrir os trabalhos e foi merecidamente aplaudida pelos presentes (nossos associados e amigos). A partir daí, foi exibido um vídeo com momentos especiais da Afalesp que contaram sua história de 70 anos: o papel de luta da entidade em defesa do servidor; sua função tão bem cumprida de proporcionar lazer e entretenimento aos associados, nas colônias, nos passeios, as lojinhas que disponibiliza; os convênios e parcerias que oferece sempre colocando o associado em primeiro lugar.

A seguir, a associação homenageou com uma medalha alusiva aos 70 anos seus ex-presidentes que lá estiveram: Edson Martins Moraes, o Neguinho e José Carlos Gonçalves e a funcionária mais antiga, Maria Lú- cia Rodrigues, representando todos os funcionários da Afalesp, além dos sócios mais antigos Dona Léo e Erasmo de Freitas Nuzzi.

Autoridades e amigos queridos, ex-presidentes da Afalesp subiram à tribuna para homenagear a associação e cada palavra teve grande importância por traduzir a verdade, a experiência e a emoção de quem a falava.

Após tecer elogios à Afalesp, o deputado federal Arnaldo Faria de Sá, defensor implacável do servidor público, aproveitou o momento para lembrar os presentes das maldades embutidas em projetos voltados para prejudicar a categoria, que tramitam no Congresso Nacional. Da mesma forma, o presidente da CNSP, Antonio Tuccilio, condenou o que chamou de campanha dos meios de comunicação para desqualificar o servidor e sua importância para a sociedade brasileira. Sem dúvida, esse é momento de nos unirmos contra isso e reagirmos à altura pela preservação dos direitos da nossa categoria.

João Moreira, José Gozze, Antonio Carlos Fernandes e Neguinho, muito nos honraram com suas presenças. Ao Gaspar Bissollotti (Aspal) e ao João Elísio (Sindap), que me presentearam com uma belíssima orquídea e uma placa comemorativa pelos 70 anos da Afalesp, registro aqui meu muito obrigada. Não poderia, entretanto, deixar de mencionar a comoção geral, talvez o ponto máximo da solenidade, causada pelo nosso querido Erasmo Nuzzi ao usar da palavra. Do alto dos seus 98 anos, Nuzzi demonstrou total lucidez e lembrou passagens vivenciadas na Afalesp, quando ainda era Grêmio 9 de julho, mostrando seu grande carinho e apreço pela associação.

Após a sessão, um delicioso coquetel foi oferecido aos participantes. Verdadeiramente, foram momentos que guardarei para sempre em meu coração! Obrigada Afalesp! Obrigada a todos!

Rita Amadio Ferraro